Postagens

Música: Aliança

Graça, Paz e Alegria!
Publicado originalmente noBlog de Devocionais 2020 do Compartilhando Na Web!
Vale a pena ler de novo
Mensagem enviada em 03/12/2007
Bené Gomes CD: Adoração 1 - Aliança Ministério Koinonya de Louvor
Como é precioso irmão Estar bem junto a ti E juntos, lado a lado, Andarmos com Jesus E expressarmos o amor Que um dia Ele nos deu Pelo sangue do calvário Sua vida trouxe a nós
Aliança no Senhor Eu tenho com você Não existem mais barreiras Em meu ser
Eu sou livre pra te amar Pra te aceitar E para te pedir: Perdoa-me irmão
Eu sou um com você No amor do nosso Pai Somos um no amor de Jesus
Que Deus continue abençoando!
Forte abraço! Em Cristo, Ricardo, pastor http://twitter.com/MComparti http://www.ministeriocompartilhando.com.br

Desenvolver os talentos

Graça, Paz e Alegria!
Publicado originalmente noBlog de Devocionais 2020 do Compartilhando Na Web!
Leia Mateus 25.14-30
Jesus fala nessa parábola sobre um homem com posses que, prestes a viajar, confia seus bens a seus servos. Para um servo ele deu cinco talentos; para outro servo deu dois talentos; e para o último servo deu um talento.
Esse “talento” confiado aos servos era uma unidade monetária em uso naquela época. É possível que o talento tivesse o valor correspondente a seis mil denários, lembrando que um denário era o salário pago pela diária de um trabalhador comum! Era uma soma muito grande, mesmo para o que recebeu "apenas" um!
Era de se esperar que aqueles que receberam tais talentos tivessem suas necessidades supridas durante a ausência do dono e mais: que fizessem algo para que aquele talento pudesse render. Cada um recebeu conforme acreditava o dono seria capaz de cuidar (v. 15).
O que recebeu cinco e o que recebeu dois, ambos "dobraram" o que receberam. Fiz…

Resumo dos livros da Bíblia - Juízes (7)

Graça, Paz e Alegria!
Publicado originalmente noBlog de Devocionais 2020 do Compartilhando Na Web!
Esboço de Juízes
I. Introdução: Canaã após a morte de Josué 1.1 - 3.6
  Continuidade das conquistas 1.1-26   Ainda não foi completa a conquista 1.27-36   A aliança do Senhor é quebrada 2.1-5   Introdução ao período dos juízes 2.6 - 3.6 II. História de declínio espiritual e acertos com o Senhor durante o período dos juízes 3.7 - 16.31
  Otniel 3.7-11   Eúde 3.12-30   Sangar 3.31   Débora e Baraque 4.1 - 5.31   Gideão 6.1 - 9.57   Tola 10.1-2   Jair 10.3-5   Jefté 10.6 - 12.7   Ibsã 12.8-10   Elom 12.11-12   Abdom 12.13-15   Sansão 13.1 - 16.31 III. Conclusão: Condições que ilustram o período dos juízes 17.1 - 21.25
  Apostasia: A idolatria de Mica e a migração dos danitas 17.1 - 18.31   Imoralidade: Atrocidade em Gibeá e a guerra benjamita 19.1 - 21.25

Que Deus continue abençoando!
Forte abraço! Em Cristo, Ricardo, pastor http://twitter.com/MComparti http://www.ministeriocompartilhando.com.br

A Paz além das turbulências

Graça, Paz e Alegria!
Publicado originalmente noBlog de Devocionais 2020 do Compartilhando Na Web!
Certa vez houve um concurso de pintura e o primeiro lugar seria dado ao quadro que melhor representasse a paz.
Ficaram, dentre muitos, três finalistas igualmente empatados.
O primeiro retratava uma imensa pastagem com lindas flores e borboletas que bailavam no ar acariciadas por uma brisa suave.
O segundo mostrava pássaros a voar sob nuvens brancas como a neve em meio ao azul anil do céu.
O terceiro mostrava um grande rochedo sendo açoitado pela violência das ondas do mar em meio a uma tempestade estrondosa e cheia de relâmpagos.
Para surpresa e até espanto dos finalistas, o escolhido foi o terceiro quadro, o que retratava a violência das ondas contra o rochedo. Indignados, os dois pintores que não foram escolhidos, questionaram o juiz que deu o voto de desempate:
- Como este quadro tão violento pode representar a paz, Sr. Juiz?
E o juiz, com uma serenidade muito grande no olhar, disse:
- Vocês re…

Biografia dos Profetas - Reino do Norte - Elias (4)

Graça, Paz e Alegria!
Publicado originalmente noBlog de Devocionais 2020 do Compartilhando Na Web!
A experiência de milagres com viúva de Sarepta ainda não tinha acabado: o filho da viúva adoece e morre. Elias é confrontado pela viúva, angustiada. Elias clama ao Senhor e o menino ressuscita!
Após três anos (1 Reis 18.1ss), Elias aparece diante de Acabe, marido de Jezabel (devota de Baal) e fez o desafio para desmascarar os profetas de Baal e mostrar quem era o Senhor. Mesmo com a demonstração sobrenatural da ação do Senhor, Elias segue sendo perseguido.
Só que a seca continuava e Acabe, como rei, continuava a clamar por chuva. Depois desse acontecimento no monte Carmelo, Elias conforta Acabe dizendo que virá a chuva. Depois de orar, disse ao moço que o acompanhava: "Sobe, e olha para a banda do mar. E ele subiu, olhou e disse: Não há nada. Então disse Elias: Volta lá sete vezes" (1 Reis 18.43). Logo veio a chuva e Elias, mesmo vitorioso e mostrando que agia em nome do Senhor, te…

Somos diferentes - Bem-aventurados os limpos de coração - Discipulado

Imagem
Graça, Paz e Alegria!


Que Deus continue abençoando!
Forte abraço! Em Cristo, Ricardo, pastor http://twitter.com/MComparti http://www.ministeriocompartilhando.com.br